CriandoBits
Identifique-se Entrar Esqueceu a senha? Esqueci minha senha

O que é bitcoin?

Por Benedito Silva Júnior - publicado em 12/05/2017 - atualizado em 07/06/2017


Bitcoin logo
Bitcoin é uma criptomoeda gerada via Internet por um processo chamado "mineração". Embora seja semelhante a uma moeda digital, seu valor é real como o dinheiro físico, e pode ser utilizado para fazer compras e pagamentos em algumas lojas e empresas, como na Dell, Microsoft, Tecnisa entre outras.

Existem os termos "Bitcoin" ('B' maiúsculo) e "bitcoin" ('b' minúsculo). Com o "b" (minúsculo) se refere a criptomoeda, com "B" (maíusculo) ao protocolo e ao conceito por trás da unidade bitcoin.

Um bitcoin é gerado como recompensa aos "mineradores", que são usuários que utilizam hardware para processar informações, garantir a segurança de rede bitcoin e manter os participantes do sistema sincronizados.

A mineração é um sistema que funciona através de consenso serve para confirmar as transações e incluí-las no block chain.

Protege a neutralidade da rede, e permite que diferentes computadores estejam harmonicamente sincronizados com o sistema. Para serem confirmadas, as transações devem ser incluídas em um bloco e verificadas pela rede através de regras criptográficas. Essa regras previnem que blocos antigos sejam modificados, o que provocaria a invalidação dos blocos posteriores.

A mineração também cria um jogo equivalente à loteria, que dificulta a criação de novos blocos pelas mesmas pessoas. Isto evita que pessoas possam decidir o que incluir no block chain ou mudar partes do block chain e assim conseguir reverter suas próprias transações. (Fonte: Bitcoin.org: https://bitcoin.org/pt_BR/como-funciona)

Vantagens do bitcoin

Liberdade de pagamento

Com o bitcoin é possível fazer qualquer volume de transação de forma rápida e segura. É possível fazer remessas internacionais sem burocracia com total controle e a qualquer momento.

Taxas menores

Em média, a taxa de transação entre dois usuários é menor do que 0,01%. Caso haja a necessidade de um intermediário para realizar a conversão, a taxa pode chegar a 1,5%. Em transações convencionais, essa taxa pode variar entre 3% a 30% em um pagamento ou remessa internacional, por exemplo.

Segurança e privacidade

Os usuários dos bitcoins possuem controle total sobre suas transações, com isso não estão suscetíveis a má administração de bancos, nem precisam pagar a custódia dos valores. Para fazer pagamentos, não há a necessidade de vincular informações pessoais nas transações.

Transparência e Neutralidade

Todas as informações relacionadas a moeda bitcoin está livremente disponível na BlockChain para que qualquer pessoa que queira verificar. O bitcoin não é controlado e nem manipulado por ninguém, pois este é criptograficamente seguro. O processo é tão seguro que grandes empresas já mostraram interesse na tecnologia blockchain.

Não pode ser embargada

Governos não podem embargar bitcoins da mesma forma que podem embargar moedas convêncionais, pois sua riqueza não pode ser congelada; o bitcoin lhe dá a liberdade de fazer o que quiser com seu dinheiro!

Desvantagens do bitcoin

Volatilidade

O valor do bitcoin não se mantém estável por muito tempo. O valor de um bitcoin pode, inesperadamente, se valorizar ou desvalorizar rapidamente devido à sua nova economia, nova natureza, e, por vezes, os mercados ilíquidos, mas isso tende a se resolver com a adoção de novos usuários e com o amadurecimento da criptomoeda.

Não é regulada

Pelo fato de o bitcoin não ser uma moeda emitida por um governo, não possui nenhuma regulamentação. Reguladores de várias jurisdições estão estudando medidas para proporcionar a inclusão desta nova tecnologia ao sistema financeiro.

Pouca aceitação

Muitas pessoas ainda não conhecem o bitcoin. No entanto, cada dia mais empresas e lojas estão aceitando bitcoins.

Fonte: https://foxbit.com.br/blog/o-que-e-bitcoin/

Como conseguir bitcoins?

Para conseguir bitcoins você precisará:

1. Hardware customizado para mineração;

Hardware customizado para mineração
Hardware dedicado a mineração

2. Consiga uma carteira (wallet) de bitcoins:

https://blockchain.info/wallet/#/
https://www.xapo.com/
https://www.coinbase.com/
http://hivewallet.com/
https://www.bitcoinarmory.com/

3. Proteja sua carteira;

4. Decida entre entrar em um conjunto ou ir sozinho;

5. Baixe um programa de mineração:

http://ck.kolivas.org/apps/cgminer/
http://bfgminer.org/

6. Execute seu minerador;

7. Fique de olho nas temperaturas (XD);

8. Verifique a sua rentabilidade.

Apesar de ser possível minerar bitcoins utilizando computadores pessoais, esta prática não é muito viável. Isso se deve ao fato de ser demorado o processo de obtenção das bitcoins e, conforme mais usuários utilizam hardware dedicados a essa tarefa, mais competitivo e díficil fica obter quantidades relevantes da moeda.

Se você não pode ter um hardware dedicado para mineração (que são bem caros), há a possibilidade de se gerar bitcoins na nuvem. É possível assinar serviços online que cobram mensalidades e prometem enviar bitcoins ao usuário diariamente. No entanto, o pagamento deste investimento pode demorar alguns meses.

Outra alternativa são as "pools", que são grupos de investidores em rede, que unem esforços e hardware para minerar. Para entrar em pools é fácil, pois muitos deles se organizam pela Internet e é possível escolher grupos bastante grandes, que envolvem pessoas do mundo inteiro.


 
Subir ao topo da páginaTopo